segunda-feira, 16 de julho de 2007

Evento de Premiação do 19o HQ MIX - Sesc Pompéia - 11/07/2007

Ir para São Paulo é sempre uma aventura. Desta vez, não foi exceção. Cheguei na capital no dia 11, por volta das 6 horas da manhã. Eu novamente iria ficar na casa do meu amigo Cadu Simões, que morava no Farwest de Osasco City. Ou seja, eu tinha mais meio-dia de viagem pela frente.É, bem... eu posso ser o último habitante da parte leste de Curitiba, mas o Cadu consegue se esconder mais do que eu! Ele é o último habitante do farwest DO FARWEST DE OSASCO! Depois de pegar dois ônibus, metrô, atravessar um rio a nado e seguir pela trilha da floresta, eu finalmente estava no trem com destino ao farwest do farwest de... ah, vcs já entenderam. Quando as flechas começaram a atingir o trem e o maquinista gritou "todos pro chão!!!", eu sabia que estava perto. Mas o Cadu bem que poderia ter avisado que os índios agora estão usando metralhadoras, eu teria ido mais preparado. De qualquer forma, consegui me esgueirar pelas trincheiras e só perdi metade de uma perna no caminho. O que sobrou do dia, tiramos para descansar, até que a Roberta, da Garagem Hermética, veio nos apanhar de carro para irmos todos ao Sesc Pompéia, onde realizar-se-ia o evento de premiação do HQ MIX. Estávamos levando praticamente uma editora inteira no carro dela! Lá chegando, encontramos rostos conhecidos e logo tratamos de armar as mesas e expositores.













Quadrinhópole em Destaque (Fonte: http://blogdosquadrinhos.blog.uol.com.br/)
(E a Roberta desfocada, no fundo)


O pessoal foi chegando e as vendas começaram! Encontrei o Samuel Bono, o Marcos Wencelau, o Will (do subterrâneo), o Otoniel e o Wolvey (do Encantarias), um tal de Tiago, não sei de onde é, sei que é chato pra carái. Dizem que o evento foi um dos melhores dos últimos anos. Infelizmente não pude assistir, mas a cobertura completa você pode conferir no blog dos quadrinhos (http://blogdosquadrinhos.blog.uol.com.br/). Lá pelas tantas da noite, finalmente conseguimos expulsar o pessoal da Devir e tomamos todo o território! A Aliança Rebelde venceu e o Império foi derrotado! Como sempre, fomos os primeiros a chegar e os últimos a sair. Com certeza, valeu a pena todo o esforço!
Como eu iria ficar ainda para o Fanzine Expo, tirei a quinta e sexta de folga.


















A Mesa dos Independentes (Fonte: http://sociosltda.blogspot.com/)













Eu de prontidão e o Cadu vibrando com alguma venda. (Fonte: http://sociosltda.blogspot.com/)


Na quinta fui conhecer a USP já que o Cadu tinha coisas para resolver por lá. E na sexta acabei conhecendo o centro de Osasco City. Sábado acordamos cedo e fizemos todo o trajeto de volta daquele que eu fiz na vinda, já que o local do Anime Friends (UniSantana) é do lado do Terminal Tietê. Desta vez uma das balas me pegou de raspão. Só tive tempo de gritar "Pela tripas putrefatas e Asgotooh!!! É uma cilada, Bino!!!", mas a bala pegou na minha mochila e rasgou a alça. Como se já não bastasse eu estar carregando uma mala 4x4 e um expositor e o Cadu estar com uma outra que pesava 2 toneladas e outro expositor. E ainda por cima ele prefere ir pelos caminhos mais difíceis! Não contente em pegar escadas convencionais ao invés de rolantes ou elevadores, ele sobe e desce as mesmas escadas várias vezes! (Carregando tudo, é claro). Mas eu finalmente compreendi o porquê, caro leitor. Cadu Simões é muito mais inteligente do que eu ou você. Ele faz tudo isso porque sabe que, um dia, será recompensando no Valhalla dos Quadrinistas Independentes. Bem, finalmente chegamos no Fanzine Expo e montamos nossas coisas. O Harriot da Cão logo juntou-se a nós e ficamos os três roncando em nossas cadeiras pelo resto do dia. A única coisa boa nesse tipo de evento é ver a mulherada usando trajes ridículos que jamais usariam em outra ocasião, os quais proporcionam decotes / saias / apetrechos generosos. Afora isso, é um evento muito estranho, porque você começa a viajar mesmo sóbrio. Sim, tenho certeza de que não havia ingerido álcool, maconha, lsd ou crack, mas mesmo assim tinha horas que eu via lobos, dragões, jedis, gente do japão feudal e outros bichos que você sequer pode imaginar. Felizmente consegui trocar minha passagem, originalmente programada para a meia-noite, para as 18 horas, e cheguei em Curitiba ainda no mesmo dia. Ah... lar, doce lar.
Agradeço novamente ao Cadu Simões e ao seu pai pela hospedagem... espero não ter incomodado... muito!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
BlogBlogs.Com.Br