terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Relembrando Preacher...

Recentemente foi anunciado que a adaptação cinematográfica da série Preacher, de Garth Ennis, será roteirizada por John August (A Fantástica Fábrica de Chocolate, Peixe Grande) e dirigida por Sam Mendes (Beleza Americada, Estrada para Perdição). Nomes de peso que tranquilizaram os fãs... mas será que vai dar certo fazer um filme pra uma história que teve 66 edições, fora os especiais?

O quê, você não conhece a história? Bom, falemos um pouco sobre ela, então. E se você já é fã da série como eu, vamos relembrá-la... contém spoiliers e palavrões! =D


Volume 01: A Caminho do Texas





Neste arco inicial, somos apresentados a Jesse Custer, um pastor em crise de fé que acaba sendo possuído por uma estranha entidade e sua igreja explode com todos os fiéis dentro dela. Jesse não demora a descobrir que a entidade que o possuiu chama-se Gênesis, resultado do cruzamento entre um Anjo e uma Demônia.
Temendo as consequências disto, o Céu envia o Santo dos Assassinos, que é um dos caras mais fodas de toda a série, atrás de Jesse para resolver o problema.

Ao mesmo tempo, o Xerife Root está atrás de quem foi que explodiu a igreja e matou todo mundo. Seu filho, que tentara se matar anos atrás e só conseguira ficar com a cara deformada, logo é apelidado de "Cara-de-Cu".

Enquanto isso, a ex-namorada de Jesse, Tulipa, uma exímia atiradora, foge de alguns bandidos e acaba topando com um irlandês beberrão chamado Cassidy. Não demora para que eles encontrem Jesse e descubram, junto com ele, que o pastor agora detém "A Voz de Deus". Quando ele a usa, ninguém consegue resistir a atender suas ordens.

É assim que ele escapa do xerife e também do Santo dos Assassinos, ao passo que Cassidy logo se revela como sendo um vampiro.

Quando todos os personagens se encontram, Jesse força a descida de um anjo à Terra pra explicar que porra tá acontecendo. É quando eles descobrem que Deus partiu do Céu, assim que soube de Gênesis. Inconformado, Jesse decide, então, partir em busca de Deus e forçá-lo a redimir seu erro. Mas não sem antes acabar provocando a morte do Xerife Root e a fúria do Santo dos Assassinos.

Seu primeiro passo, então, é sair logo do Texas. Eles (Jesse, Tulipa e Cassidy) vão a New York encontrar um amigo de Cassidy que talvez possa ajudá-los a encontrar Deus. Acabam por se meter numa enrascada, na qual o tal "amigo" revela-se como sendo um serial killer.

Durante toda a série, Jesse frequentemente recebe conselhos de John Wayne que, claro, apenas ele vê.



Volume 02: Até o Fim do Mundo





Depois da aventura em NY, Jesse e Tulipa se separam de Cassidy e acabam trombando com Jody e TC, dois maníacos que arrastam Jesse de volta a Angelville, onde ele passou toda a sua vida. É quando ficamos sabendo do passado do pastor, sendo constantemente maltratado pela sua avó, que a todo custo queria que ele se tornasse um "Homem de Deus".

Particularmente, acho este o melhor arco da série, empatando com o último, talvez. O passado de Jesse é muito bem construído com os maltratos da avó, o sofrimento que Jody e TC lhe inflingiam, a morte de seu melhor amigo e muitas outras coisas.

Jesse acabaria fugindo, conheceria Tulipa e eles passaram um bom tempo numa vida bandida e aventureira, até que os dois "irmãos" de Jesse vieram lhe buscar, o que forçou-o a abandonar Tulipa sem maiores explicações, anos atrás.

O que nunca entendi muito bem é que, neste arco, Deus diz que "tira" os poderes de Jesse momentaneamente, por isso ele fica à mercê da avó e não pode fazer nada para impedir que eles atirem em Tulipa. Ora, se Deus era tão poderoso assim, não precisaria fugir de Jesse, como acontece nos arcos posteriores. Gosto de pensar, portanto, que era simplesmente a auto-confiança de Jesse que estava abalada ao reencontrar seu passado cruel.

Auto-confiança que volta depois que ele perde Tulipa. Claro, Deus "ressuscita" o amor de Jesse e tenta convencê-la de que eles devem desistir da perseguição. Com a VOZ restituída, Jesse consegue se libertar e finalmente se vingar de sua avó e de TC. Mas com Jody, o homem que matou seu pai, o "bom pastor" decide acertar as contas no braço mesmo.

Em seguida, entra em cena o Graal. Uma organização que protege a linhagem de Cristo desde que ele escapara da cruz e casara-se com Maria Madalena. Sendo a organização mais poderosa que existe, eles logo planejam perpretar o Armageddon e colocar o herdeiro de Cristo como novo Salvador da humanidade.

O problema é que, depois de séculos gerando filhos dentro da mesma família, o resultado é um completo débil mental. Sabendo que este plano está fadado ao fracasso, o assassino-mor do Graal, Herr Starr, planeja derrubar o comando, matar o sucessor de Cristo e colocar Jesse Custer em seu lugar.

Enquanto isso, Jesse, Tulipa e Cassidy se reencontram e o vampiro confessa que uma velha namorada sua acaba de morrer por causa de um pacote de cocaína. Dois personagens novos, Bob Glover e Freddy Allen, os "Investigadores Sexuais", são encarregados de pegar o pacote para entregar numa festa sadomasoquista organizada por um homem bizarro chamado Jesus DeSade.

Como resultado, tudo converge para a tal da festa. Starr, auxiliado por Featherstone e Hoover, dois membros do Graal, invade o local à procura de Custer. O tal Jesus acaba levando uma surra, tal como os dois investigadores, mas Cassidy e Tulipa acabam capturados pelo Graal, com Cassidy se passando por Jesse. Este, por sua vez, consegue resgatar Tulipa e fazer Featherstone e Hoover de refém. A mulher escapa, mas Jesse deixa Hoover contando grãos de areia numa praia e parte para a sede do Graal para resgatar o amigo.



Volume 03: Orgulho Americano





Antes de partir para o resgate, Jesse acaba conhecendo um amigo de seu pai, que lhe conta umas histórias sobre a guerra. Equanto fica sabendo mais sobre seu velho, Featherstone consegue entrar em contato com Starr e conta que eles estão com um falso Jesse Custer como refém.

Não demora para que Starr perceba que Cassidy é um vampiro, e deixa o pobre bastardo para ser torturado por um exímio atirador de rifle. Jesse deixa Tulipa no hotel e parte sozinho para o resgate, sem saber que o Santo dos Assassinos está na sua cola. Tulipa, claro, fica fudida da cara.

O Pai Supremo do Graal chega em Masada já sabendo da traição iminente de Starr. Ele planeja ajustar as contas com Jesse, por este ter matado sua tia, a avó do pastor. Ele deixa, então, que Jesse e Starr se matem, mas Starr leva o duelo até um porão escondido, onde eles têm um anjo como refém. É o pai de Gênesis, de onde Starr extrai toda a informação de que precisa torturando-o.

É neste momento que chega o Santo dos Assassinos. Ele só não mata Jesse porque o anjo diz que Jesse sabe a verdade sobre a morte da família do Santo. No confronto que se segue, o pastor acaba conhecendo um pouco mais sobre sua entidade, quase esbarra com Deus pela segunda vez e resgata seu amigo antes que tudo vá pelos ares. Starr também consegue uma vitória, matando o Pai Supremo e o "messias", assumindo de vez o controle do Graal.

Depois, eles voltam para NY e Cassidy conta sua história. Mas apenas parte dela...



Volume 04: Rumo ao Sul





Agora, Jesse, Tulipa e Cassidy vão para Nova Orleans, tentar um outro amigo do vampiro, um "macumbeiro", que pode tentar acessar Gênesis e ver se consegue descobrir aonde Deus está. No caminho, acabam topando com o Cara-de-Cu, que a princípio queria vingar o pai, mas logo acaba se tornando amigo dos dois.

O vampiro, por outro lado, pouco a pouco vai se revelando como um verdadeiro pilantra, mas apenas para Tupipa, já que começa a cortejá-la, principalmente quando bebe.

Uma vez em Nova Orleans, alguns inimigos de Cassidy, chamados Les Enfants du Sang, um bando de góticos desocupados, na verdade, ficam sabendo que ele está na cidade e decidem acertar as contas. E fazem isso justo quando Jesse está no meio do ritual em que entra em contato com Gênesis.

O pastor só tem tempo de descobrir a verdadeira história do Santo e do que fazer para encontrar Deus. Os pervertidos invadem o local a tiros e Tulipa consegue repeli-los e acordar Jesse, mas as coisas não acabam bem. Apesar do casal dar cabo nos Enfants, eles acabam matando a namorada do amigo de Cassidy e este perde a cabeça, literalmente.

Eles acabam tendo que costurá-la e Tulipa fica sabendo, através deste "amigo", que Cassidy é um verdadeiro canalha e já aprontou muita coisa de ruim nesse século de vida...


Volume 05: Guerra ao Sol





Cara-de-Cu acaba se tornando um astro do rock, e o trio de amigos vai para o Oeste, onde Jesse planeja ingerir peyote e ver se isso adianta para entrar em contato com Gênesis. Como Cassidy promete se comportar, Tulipa não conta nada a Jesse sobre o que a respeito do "amigo".

Mas tanto o Santo dos Assassinos quanto o Graal também estão indo para lá. E o resultado é a guerra que dá nome ao arco. O Santo encontra Jesse e este lhe conta a verdade sobre a morte de sua família, sobre como Deus manipulou os acontecimentos para criar o assassino perfeito. O Santo considera Jesse quite com ele, no momento em que Starr chega com seu exército e descarrega todo seu arsenal no Santo.

Nada adianta. No fim, os três amigos roubam um avião para fugir da bomba atômica destinada a aniquilar o Santo. A bomba cai, mas este nem se mexe. Só que Jesse acaba caindo do avião e é dado como morto.

Starr vai parar numa caverna cheia de canibais e se fode mais um pouco. Aliás, durante toda a série, esse cara só se fode... é estuprado, perde a orelha, ganha uma cicatriz na careca, e agora perde a perna. Mais à frente, um cão acaba arrancando seu pênis.

Jesse aparece no meio do deserto, sem um olho e sem muitas lembranças do que aconteceu. Semanas se passam quando ele consegue chegar a Cassidy, apenas para vê-lo beijar Tulipa. Atormentado com isso, ele parte, sem revelar que ainda estava vivo...



Volume 06: Salvação





Ainda abalado com tudo o que rolou, Jesse decide dar um tempo em sua jornada e acaba indo parar na cidadezinha de Salvation, onde se torna xerife e combate um empresário local que ameaça a cidade e o prórpio Jesse. Eu acho esse um dos arcos mais fracos, mas é importante por mostrar o reencontro de Jesse com sua mãe, que ele julgava morta. Mais tarde ela lhe dá uma medalha que pertenceu a seu pai, e Jesse reencontra o amigo do velho uma vez mais, para que este lhe conte como foi que ele a conseguiu.

Esse é o próximo encadernado que deve sair por aqui, mas sabe-se lá quando a Pixel irá publicá-lo. Os leitores que acompanharam a publicação da série pela Brainstore devem se lembrar deste.



Volume 07: Inferno Vindouro





Depois de resolver as coisas em Salvation, Jesse finalmente ingere a droga e tem uma "viagem" na qual se lembra da queda do avião, na qual foi resgatado por Deus e este, furioso, arrancou-lhe o olho. Depois de recupear suas lembranças e descobrir algumas outras coisas, Jesse bola um plano.

Este arco, então, amarra algumas pontas soltas, como trazer de volta o Hoover, que estava o tempo todo contando os grãos de areia, e preparar as coisas para o último arco.

Jesse finalmente reencontra Tulipa e esta lhe conta o crápula que Cassidy é. Depois, o pastor vai investigar o passado do ex-amigo e descobre o restante de sua história.

Ao mesmo tempo, Starr consolida seu poder no Graal e prepara-se para o confronto final.



Volume 08: Álamo





No arco derradeiro, que permanece inédito no Brasil, ficamos sabendo que Deus é uma criatura sedenta de amor, e por isso procura manipular tudo e todos para que o amem. Ele criou Gênesis apenas para ter o amor de uma criatura mais poderosa que ele próprio.

Jesse decide então que é hora de dar cabo em alguém tão egoísta. Ele encontra o Santo dos Assassinos e lhe revela seu plano. Também liga anonimamente para Starr e lhe revela sua localização.

No fim, Jesse vai acertar as contas com Cassidy e, por incrível que pareça, lhe dá a pior surra de sua vida. Mas acaba lhe perdoando. Contente com isso, o vampiro sacrifica-se e Jesse acaba levando um tiro na cabeça, instantes antes de Tulipa matar Starr, que já havia matado Featherstone e Hoover até então.

Com a morte de Jesse e a dispersão de Gênesis, Deus pode voltar ao Paraíso. Mas o Santo já o esperava lá. Ele mata Deus e senta-se em seu trono.

O que ninguém esperava, entretanto, é que Cassidy, antes do duelo com Jesse, fosse encontrar Deus e lhe propusesse um acordo. Graças a isso, tanto Cassidy quanto Jesse acabam voltando à vida depois. Cassidy, curado de sua maldição e livre para começar vida nova. Jesse, agora sem Gênesis em seu corpo, pronto para ir atrás do amor de sua vida, que agora está completamente puta da cara devido ao Jesse tê-la abandonado naquele plano suicida.


Além da série em 66 edições, temos ainda especiais que contam a história de Jesse e Tulipa antes de Gênesis, do Santo dos Assassinos, do Cara-de-Cu, de Starr e de Jody e TC.
A série é característica pelo seu humor ácido e negro, pelas discussões filosóficas e, claro, principalmente, pela diversão. Claro, às vezes enche um pouco o saco o papo de "caubói americano", e todo aquele blá-blá-blá de orgulho de ser estadunidense e talz. Ainda assim, Preacher é uma das séries mais importantes que já li na vida, pelo simples fato de trazer, em suas entrelinhas e diversas outras mensagens, uma, em especial: a fé, quando cega... é uma merda!

Um comentário:

  1. Cara... Muito mameiro a sua analise. Esta é a melhor HQ que eu já vi, depois de Miracleman.

    ResponderExcluir

 
BlogBlogs.Com.Br