terça-feira, 25 de setembro de 2012

DREDD


Ok, as comparações são inevitáveis, então vou começar com uma pergunta: Por que o filme do Stallone é tão ruim? Sério, eu gosto muito da história do filme: ela faz várias referências às HQs clássicas do personagem, vemos vários aspectos da ambientação no Universo do Juiz Dredd (diabos, até a Terra Amaldiçoada aparece no filme) e convenhamos, Stallone como Dredd está perfeito - ao menos até tirar o capacete. Temos a origem dele contada, bastante fiel às HQs, e a ideia de ele ser acusado injustamente é muito legal.
O que mata, na minha opinião, são alguns detalhes: o fato de aparecer o rosto do Stallone, as atuações (sobretudo a do vilão, caricato demais) e o pior de tudo: o personagem "cômico" de Rob Schneider que de engraçado não tem nada. Chega a ser ridículo.
Aliás, um adendo antes de falar do novo filme: acho que esse é o único caso de um jogo que foi adaptado do filme e ficou MELHOR do que o filme. Estou falando do jogo Judge Dredd para Mega Drive, que era MUITO legal e aproveitava a deixa do filme para colocar outros elementos das HQs, como os Juízes da Morte, inimigos mortais de Dredd nos quadrinhos.
Enfim, falando então do novo filme, curto e grosso: o filme é bom. Divertido, competente e bem fiel ao estilão das HQs. Logo no começo, parece que você está assistindo àqueles filmes de ação dos anos 80. Ah, que saudade! Hehehehe.
Só tenho ressalvas quanto a algumas coisas. Por exemplo, o ator me pareceu magrinho demais e, ao contrário do que alguns dizem, não achei sua voz convincente como Dredd. Mas isso passa. O que mais me incomodou foi o fato da história focar em apenas um prédio (ainda que um prédio de 200 andares) ao invés de explorar a ambientação que Mega City Um tinha a oferecer.
Mas tudo bem, o filme e bem despretensioso e violento, como um filme do Dredd deveria ser. E o fato de termos Anderson como parceira do Dredd deixa uma brecha para uma possível aparição do Juiz Death como um próximo antagonista. Embora, devido ao fracasso nas bilheterias, isso provavelmente não deve acontecer.
É uma pena... conheço pouco o personagem, devido às poucas HQs dele publicadas por aqui, mas ainda assim, sou fãzaço do Dredd. Suas histórias inspiraram toda uma geração de artistas e ele merecia uma franquia de sucesso no cinema.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
BlogBlogs.Com.Br